O “ENSINANTE”, AS ORIGENS DO SABER CIENTÍFICO E OS OBSTÁCULOS PARA O DESENVOLVIMENTO DO ESPÍRITO CIENTÍFICO DO “APRENDENTE”

  • Paula Martins
  • José Aguiar
  • Ierecê Barbosa

Resumo

Este trabalho trata da neurociência e sua relação com a origem do aprendizado do saber, enquanto conhecimento científico em sua necessidade de desenvolvimento do espírito científico. O objetivo traçado para a abordagem dentro da abordagem qualitativa visa refletir sobre o papel do professor na relação entre o ensinante e aprendente e os obstáculos causados pelo papel que desenvolve como transmissor dos conhecimentos. Nesse percurso o estudo bibliográfico compõe um conhecimento aprofundado do estado da arte que envolve este tema. Portando, todo o aporte teórico constituir-se-á no constructo a ser analisado posteriormente à luz dos estudos das “Origens do saber” em Giordan (1996), o desenvolvimento do “Espírito científico” em Bachelard (2005) e as concepções da neurociência em seus conceitos e definições em Herculano-Housel (2013).

Publicado
2017-05-04
Como Citar
MARTINS, Paula; AGUIAR, José; BARBOSA, Ierecê. O “ENSINANTE”, AS ORIGENS DO SABER CIENTÍFICO E OS OBSTÁCULOS PARA O DESENVOLVIMENTO DO ESPÍRITO CIENTÍFICO DO “APRENDENTE”. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 8, n. 15, p. 26-35, maio 2017. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/142>. Acesso em: 22 out. 2019.
Seção
Artigos