A SALA INTERDISCIPLINAR DE APRENDIZAGEM NO PROJETO DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO/CAPES/UEA: OS CONHECIMENTOS MATEMÁTICOS A PARTIR DA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS

  • Denise Mota
  • Ierecê Barbosa

Resumo

Este artigo apresenta os resultados de uma pesquisa realizada com alunos do 9º Ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da cidade de Manaus/AM no Projeto do Observatório da Educação (POE), que teve por objetivo compreender como se dá a aprendizagem de conhecimentos matemáticos tomando como referência a Resolução de Problemas como estratégia de ensino em uma perspectiva interdisciplinar, desenvolvida em uma Sala de Aprendizagem de conhecimentos matemáticos pensada como um espaço de estudo e pesquisa, a partir de situações dialógicas com os campos de conhecimentos de Língua Portuguesa e Ciências. Ancoramos nosso referencial teórico em Lück (2002), Japiassu (1976), Pires et al. (2002), Tomaz e David (2012), dentre outros. A abordagem metodológica é a pesquisa qualitativa tendo como modalidade a pesquisa-ação e como instrumentos a observação participante, intervenção pedagógica, produção de documentos pelos alunos e questionários. Os resultados obtidos evidenciam que um ensino voltado ao desenvolvimento de práticas interdisciplinares possibilita aos alunos uma maior apropriação dos conhecimentos matemáticos. Eles interagem nas atividades propostas e as barreiras entre professor e aluno, tão evidenciadas nas aulas de Matemática, são eliminadas, pois o aluno participa ativamente da etapa de construção de seu próprio conhecimento. A interdisciplinaridade torna o aluno capaz de solucionar problemas de forma autônoma.

Publicado
2017-05-02
Como Citar
MOTA, Denise; BARBOSA, Ierecê. A SALA INTERDISCIPLINAR DE APRENDIZAGEM NO PROJETO DO OBSERVATÓRIO DA EDUCAÇÃO/CAPES/UEA: OS CONHECIMENTOS MATEMÁTICOS A PARTIR DA RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 7, n. 12, p. 73-88, maio 2017. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/92>. Acesso em: 22 out. 2019.
Seção
Artigos