DIAGNÓSTICO SOBRE A EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE QUÍMICA DAS ESCOLAS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO MÉDIO DA CAPITAL BOA VISTA, RORAIMA

  • Evangelista Lima
  • Ivanise Rizzatti
  • José Satelles
  • Sebastião da Silva
  • Deysiane Silva
  • Eudocha Carneiro
  • Fabiana Fernandes
  • Ismayra Silva
  • Jackson Pinto
  • Luana Carvalho
  • Mayara Silva
  • Milene Barbosa
  • Talles Isaac

Resumo

O ensino de Química relaciona teoria e prática, porém, é necessário que as escolas estejam equipadas com laboratórios e professores capacitados. Este artigo avaliou dez escolas de Ensino Médio da rede pública da capital Boa Vista, Roraima, acerca do uso da experimentação no ensino de Química nas três séries, bem como as condições estruturais das escolas para o uso da experimentação como proposta de ensino, e aspectos relacionados à formação e capacitação dos professores de Química. Os resultados obtidos através da aplicação de questionários e visita às escolas mostraram que o número de atividades experimentais é insuficiente, ou mesmo inexistente, e que muitas escolas não dispõem de laboratório de ensino de Química ou Ciências, tampouco outro tipo de sala destinada a esse fim. Todos os professores avaliados neste trabalho são licenciados em Química, mas relataram a deficiência na formação quanto ao uso da experimentação.

Publicado
2017-05-03
Como Citar
LIMA, Evangelista et al. DIAGNÓSTICO SOBRE A EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE QUÍMICA DAS ESCOLAS DA REDE PÚBLICA DE ENSINO MÉDIO DA CAPITAL BOA VISTA, RORAIMA. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 7, n. 14, p. 83-92, maio 2017. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/127>. Acesso em: 22 out. 2019.
Seção
Artigos