ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA: CONTRIBUIÇÕES DE UMA VIVÊNCIA EM UM MUSEU DE CIÊNCIAS

  • Vanessa Souza
  • Ana da Silva

Resumo

A sociedade vive em constantes mudanças culturais, científicas e tecnológicas. O entendimento da ciência e da tecnologia se faz cada vez mais importante para o enfrentamento das situações do mundo atual. Nesse contexto, este trabalho busca compreender as contribuições de uma atividade, denominada “Uma Noite no Museu”, para a alfabetização científica de estudantes. A atividade foi realizada ao longo de 2009, na culminância de um conjunto de ações desenvolvidas por um projeto de pesquisa que teve por objetivo promover ações de popularização da ciência e avaliação do nível de alfabetização científica e tecnológica em escolas públicas municipais de educação básica. Foram analisados depoimentos de vinte e oito estudantes participantes de “Uma Noite no Museu” por meio da Análise Textual Discursiva. Dessa análise, emergiram quatro categorias: compreensão de conceitos científicos; compreensão dos processos da ciência; entendimento da relação entre ciência, tecnologia e meio ambiente; e aprendizagem colaborativa. Os resultados apontaram para a importância de promover ações articulando museus de ciências, escolas e universidades em propostas de atividades que possibilitem a compreensão de processos e situações que envolvem conhecimentos científicos para a construção de uma consciência crítica.

Publicado
2017-05-03
Como Citar
SOUZA, Vanessa; DA SILVA, Ana. ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA: CONTRIBUIÇÕES DE UMA VIVÊNCIA EM UM MUSEU DE CIÊNCIAS. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 7, n. 14, p. 207-214, maio 2017. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/138>. Acesso em: 06 dez. 2019.
Seção
Relato de Experiência