ENSINO DE MATEMÁTICA E RECURSOS DIDÁTICOS PARA O AUTISMO: MAIS DO QUE UM MATERIAL MANIPULATIVO, UM CONJUNTO DE POSSIBILIDADES PARA O APRENDIZADO

  • Carloney Alves de Oliveira

Resumo

O presente artigo propõe uma reflexão sobre a produção de materiais que podem favorecer o aprendizado, especificamente, na disciplina de Matemática para crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA). Partindo desse contexto, objetiva-se discutir sobre o conjunto de possibilidades dos recursos didáticos produzidos para o aprendizado de sujeitos com limitação intelectual com TEA. O relato ora apresentado foi desenvolvido a partir dos estudos na disciplina Saberes e Metodologias do Ensino da Matemática 1, do Curso de Pedagogia, da Universidade Federal de Alagoas, e tal prática se deu com sujeitos com TEA. A investigação teve êxito em todo seu processo de aplicabilidade, com as crianças envolvidas com TEA e foram constatados ao término desta experiência uma relação de aproximação das crianças autistas com o material produzido, haja vista a preocupação dos sujeitos no âmbito da construção do seu conhecimento, sendo o conhecimento construído ativamente por eles na utilização dos materiais propostos em cada desafio, e não passivamente recebido.

Publicado
2021-05-25
Como Citar
OLIVEIRA, Carloney Alves de. ENSINO DE MATEMÁTICA E RECURSOS DIDÁTICOS PARA O AUTISMO: MAIS DO QUE UM MATERIAL MANIPULATIVO, UM CONJUNTO DE POSSIBILIDADES PARA O APRENDIZADO. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 15, n. 29, p. 141-152, maio 2021. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/2153>. Acesso em: 22 set. 2021.
Seção
Artigos