ANÁLISE DE INVESTIGAÇÕES BRASILEIRAS QUE DISCUTEM A FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES EM UMA PERSPECTIVA INCLUSIVA

  • Fábio Alexandre Borges
  • Márcia Cristina de Costa Trindade Cyrino

Resumo

O objetivo do presente artigo é discutir aspectos que reverberaram a inclusão em investigações que têm como foco a formação inicial de professores numa perspectiva inclusiva publicadas em periódicos científicos brasileiros. O corpus constituído reúne 49 artigos, que têm, como foco, a formação inicial de professores numa perspectiva inclusiva, inventariados em 74 periódicos científicos brasileiros qualificados na Plataforma Sucupira com Qualis A1, A2 e B1 (no quadriênio de avaliação 2013 a 2016). Já o período de publicação dos textos é de 2009 a 2019. Na análise dos artigos observam-se aspectos associados: i) às concepções de (futuros) professores acerca de aspectos de uma educação inclusiva; (ii) à organização dos cursos de formação e as mudanças dos currículos em favor da inclusão; (iii) ao desenvolvimento de ações formativas em prol da inclusão; e (iv) aos conhecimentos dos futuros docentes acerca da inclusão possibilitados pela formação inicial. Esses aspectos revelam que, nos cursos de formação inicial de professores, há reflexos de políticas favoráveis a uma concepção de educação inclusiva. Destaca-se a importância da formação dos formadores acerca da temática inclusão para que esse tema se dê de maneira mais transversal e menos isolada em todos os momentos dos cursos de licenciatura.

Publicado
2021-03-26
Como Citar
BORGES, Fábio Alexandre; CYRINO, Márcia Cristina de Costa Trindade. ANÁLISE DE INVESTIGAÇÕES BRASILEIRAS QUE DISCUTEM A FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES EM UMA PERSPECTIVA INCLUSIVA. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 15, n. 29, p. 1 - 21, mar. 2021. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/2081>. Acesso em: 22 set. 2021.
Seção
Artigos