CLUBES DE CIÊNCIAS: CENÁRIOS E O NÍVEL INVESTIGATIVO DE SUAS ATIVIDADES

  • Joelma dos Santos Garcia Delgado UFMGS
  • Vera de Mattos Machado UFMGS
  • Maria Celina Piazza Recena UFMGS

Resumo

Propostas atuais no Ensino de Ciências defendem a realização de atividades de cunho investigativo com vistas à alfabetização científica. Nesse sentido, a intenção principal dessa pesquisa foi verificar o nível investigativo das atividades realizadas em Clubes de Ciências estudados nos últimos anos, bem como suas principais características. Para tanto, foram analisadas as teses e dissertações produzidas no período 2010-2016 com Clubes de Ciências por meio da Análise de Conteúdo. Resultados evidenciaram que os Clubes acontecem na educação básica e a maioria deles está ligado a uma Instituição de Ensino Superior. Desenvolvem diversos tipos de atividades e com diferentes níveis investigativos. Observamos também que a ação docente é importante para que clubistas desenvolvam pesquisa, mas também incluímos o interesse dos estudantes nesse processo. Por fim, vemos que a investigação nesses espaços tem promovido a alfabetização científica e precisa ser mais valorizado.

Publicado
2020-07-30
Como Citar
DELGADO, Joelma dos Santos Garcia; MACHADO, Vera de Mattos; RECENA, Maria Celina Piazza. CLUBES DE CIÊNCIAS: CENÁRIOS E O NÍVEL INVESTIGATIVO DE SUAS ATIVIDADES. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 13, n. 27, p. 70-86, jul. 2020. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/1834>. Acesso em: 21 out. 2020.
Seção
Artigos