CONSIDERAÇÕES METODOLÓGICAS E PRÁTICAS FRENTE À REALIDADE DO ENSINO DE CIÊNCIAS

  • José Ferraro

Resumo

A partir do pressuposto metodológico existente e necessário, fio condutor da investigação científica, da organização pedagógica e das práticas educativas que dela derivam, o objetivo deste artigo é ressaltar o quão importante e viva se configura a aplicação do método em sala de aula. Entende-se aqui por método, além do científico – que pauta a organização da ciência em si – um conjunto de estratégias que permitem a elaboração de intervenções pedagógicas que conduzam a uma educação de qualidade. Nesse sentido, na discussão metodológica entre a ciência e a pedagogia fica evidenciado que a necessidade de uma transposição didática não implica em perda do rigor metodológico ou ausência total do método. Ao dar voz aos licenciandos, o presente artigo faz uma reflexão sobre o tipo de discussão empreendida em momentos específicos da formação do professor de Ciências no curso de Licenciatura em Ciências Biológicas de uma universidade privada do sul do Brasil. Para tanto, utilizou-se de uma metodologia qualitativa – a análise de conteúdo – que permitiu avaliar os registros dos diários de aula dos licenciandos e suas falas durante sua organização em grupos focais. A categoria “metodologia” emergente do diário, pós-análise, elemento de discussão nesses grupos, foi tomada como referência para a construção do presente artigo.

Publicado
2017-05-04
Como Citar
FERRARO, José. CONSIDERAÇÕES METODOLÓGICAS E PRÁTICAS FRENTE À REALIDADE DO ENSINO DE CIÊNCIAS. Revista Areté | Revista Amazônica de Ensino de Ciências, [S.l.], v. 8, n. 16, p. 01-14, maio 2017. ISSN 1984-7505. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/arete/article/view/163>. Acesso em: 13 dez. 2019.
Seção
Artigos