GOVERNANÇA MULTINÍVEL NA BACIA DO PRATA E O PROJETO DA HIDROVIA PARAGUAI-PARANÁ

  • Tatiana de Souza Leite Garcia Universidade Anhembi Morumbi
  • Bianca de Oliveira Jesus USP

Resumo

Este artigo tem como objetivo discorrer sobre a governança multinível na bacia hidrográfica do Prata, considerada a segunda maior da América do Sul, com foco no projeto da Hidrovia Paraguai-Paraná (HPP). O projeto da HPP é resultado de uma série de acordos de cooperação entre os países platinos, a partir da segunda metade do século XX, visando a integração física de seus rios para a navegação; mas ainda hoje é inviabilizada devido questões de ordem econômica, política, social e ambiental, decorrentes de múltiplos interesses e usos por diversos atores. Para a realização dessa pesquisa, empregou-se como metodologia o levantamento bibliográfico, a análise documental e a aplicação de entrevistas. A partir das abordagens teóricas sobre governança multinível em bacias hidrográficas transfronteiriças e a importância de Estudo de Impacto Ambiental (Environmental Impact Assessment - EIA) de obras de infraestrutura, obteve-se como resultado que o sistema de governança regional da Bacia do Prata é pouco articulado e as EIAs relacionadas ao projeto da HPP são incompletas.

Publicado
2021-02-12
Como Citar
GARCIA, Tatiana de Souza Leite; JESUS, Bianca de Oliveira. GOVERNANÇA MULTINÍVEL NA BACIA DO PRATA E O PROJETO DA HIDROVIA PARAGUAI-PARANÁ. Revista Geopolítica Transfronteiriça, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 94-119, fev. 2021. ISSN 2527-2349. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/revistageotransfronteirica/article/view/2049>. Acesso em: 01 mar. 2021.
Seção
Artigos