ENTRE RIOS E RUAS: O LER E ESCREVER NA ESCOLA PÚBLICA DE MANAUS/AM

  • Felipe Costa Passos Anveres
  • Larissa Cavalcante Barboza
  • Lucilene Pacheco Santos
  • Jediã Ferreira Lima

Resumo

Este relato trata das vivências em duas escolas públicas, possibilitadas pelo projeto de Assistência à Docência (AD) do Laboratório de Ensino, Pesquisa e Experiências Transdisciplinares em Educação (LEPETE) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Com foco no letramento, o trabalho com alunos do ensino fundamental I (3º e 1º ano) foi fundamental para suscitar reflexões acerca do distanciamento entre teoria e prática. Nesta jornada, a visão de um graduando em pedagogia e de uma graduanda em letras pôde unir diferentes concepções para pensar o ensino. Com base em conceitos de inter e transdisciplinaridade, conforme Wanzeler e Menezes (2020), pôde-se traçar as subjetividades das trocas de conhecimento dentro do LEPETE; ademais, os pensamentos de Magda Soares (1998; 2020; 2021) e de Paulo Freire (2021) tornaram-se peças-chave para a reflexão acerca da docência e do letramento, de acordo com as experiências vividas, buscando questioná-las e pensá-las fora da concepção do ensino tradicional.

Publicado
2022-04-01
Como Citar
ANVERES, Felipe Costa Passos et al. ENTRE RIOS E RUAS: O LER E ESCREVER NA ESCOLA PÚBLICA DE MANAUS/AM. Extensão em Revista, [S.l.], n. 10, p. 77-92, abr. 2022. ISSN 2525-5347. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/extensaoemrevista/article/view/2526>. Acesso em: 03 dez. 2022.