O USO DE GÊNEROS TEXTUAIS/DISCURSIVOS NO CONTEXTO DE APRENDIZAGEM DE LE: A PRODUÇÃO ESCRITA EM FOCO

  • Camila Teixeira Saldanha UFSC
  • Maria José Laiño UFFS

Resumo

Fundamentado essencialmente nas concepções sócio-interacionistas sobre gêneros textuais/discursivos de Bakhtin [Volochínov] (2014[1929]) e Antunes (2009), este trabalho tem como objetivo geral apresentar duas sequências didáticas (SD) com vistas ao desenvolvimento da habilidade de produção escrita em língua estrangeira (LE). Em termos metodológicos, as propostas estão ancoradas nos preceitos teóricos defendidos por Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004), para quem o ensino de línguas está organizado a partir da concentração dos gêneros textuais/discursivos, levando em consideração os diferentes domínios sociais de comunicação. As SD propostas são fruto de nossa experiência como professoras formadoras em cursos de Letras e, sobretudo, de nossas teses de doutorado, apresentadas ao Programa de Estudos da Tradução – PGET/UFSC. Frente a nossa prática docente e análise dos trabalhos que viemos desenvolvendo na última década, constatamos que a elaboração e aplicação de atividades por meio de SD proporcionam movimentos edificadores em relação ao processo de escrita dos estudantes em LE, bem como a reflexão sobre a elaboração de atividades didáticas para a formação de futuros profissionais de Letras. 

Publicado
2021-06-16
Como Citar
SALDANHA, Camila Teixeira; LAIÑO, Maria José. O USO DE GÊNEROS TEXTUAIS/DISCURSIVOS NO CONTEXTO DE APRENDIZAGEM DE LE: A PRODUÇÃO ESCRITA EM FOCO. ContraCorrente: Revista do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas, [S.l.], n. 16, p. 210 - 228, jun. 2021. ISSN 2525-4529. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/contracorrente/article/view/2175>. Acesso em: 22 set. 2021.