PATRIMÔNIO HISTÓRICO E MEMÓRIA SOCIAL: ENTRE INDÍGENAS E EXINTERNOS NA VILA SANTO ANTÔNIO DO PRATA, AMAZÔNIA BRASILEIRA

  • Rhuan Carlos dos Santos Lopes UFPA
  • Jane Felipe Beltrão UFPA

Resumo

O artigo debate as concepções de patrimônio de dois grupos sociais relacionados a instituições totais, na Vila Santo Antônio do Prata, nordeste paraense. Indígenas e ex-internos de um leprosário possuem significações que lhes são particulares sobre os espaços construídos do lugar. A partir do conceito de memória social, abordamos como as experiências vividas desses sujeitos apontam para a necessidade de preservação das edificações da Vila.

Publicado
2017-01-01
Como Citar
LOPES, Rhuan Carlos dos Santos; BELTRÃO, Jane Felipe. PATRIMÔNIO HISTÓRICO E MEMÓRIA SOCIAL: ENTRE INDÍGENAS E EXINTERNOS NA VILA SANTO ANTÔNIO DO PRATA, AMAZÔNIA BRASILEIRA. ContraCorrente | Revista de Estudos Literários e da Cultura, [S.l.], n. 9, jan. 2017. ISSN 2525-4529. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/contracorrente/article/view/735>. Acesso em: 13 dez. 2017.