ETNOMATEMÁTICA E CUSTOMIZAÇÃO DE SANDÁLIAS: UMA PROPOSTA PEDAGÓGICA PARA ENSINAR MATEMÁTICA

  • Rayandra Praiano de Lima UEA
  • Sabrina de Souza Rodrigues UEA

Resumo

O presente artigo buscou compreender os saberes matemáticos presentes nos trançados de uma artesã na customização de sandálias e de que forma seus processos cognitivos podem auxiliar no contexto da sala de aula da Educação de Jovens e Adultos (EJA) de uma escola situada no município de Tefé/Am. Os resultados desta pesquisa qualitativa apontam que as ideias etnomatemáticas possibilitam a criação de um ambiente onde teoria e prática estão inteiramente articuladas para uma aprendizagem de fato significativa. Os conhecimentos matemáticos utilizados pela artesã propiciaram aos alunos da EJA, ao tecerem suas próprias customizações de sandálias, o desenvolvimento de habilidades descritas na Base Nacional Comum Curricular tais como: reconhecimento e construção de figuras obtidas por simetrias de translação, rotação e reflexão (EF07MA21), composições de transformações geométricas (EF08MA18), resolver e elaborar problemas no contexto de educação financeira (EF07MA02) e (EF09MA05). Ressaltamos que a Etnomatemática como proposta pedagógica constitui-se fundamental para a promoção do potencial criativo do educando fomentando a formação de cidadãos críticos e reflexivos, capazes de mudar o meio em que vivem.

Publicado
2020-10-09
Como Citar
LIMA, Rayandra Praiano de; RODRIGUES, Sabrina de Souza. ETNOMATEMÁTICA E CUSTOMIZAÇÃO DE SANDÁLIAS: UMA PROPOSTA PEDAGÓGICA PARA ENSINAR MATEMÁTICA. Marupiara | Revista Científica do CESP/UEA, [S.l.], n. 7, p. 101-120, out. 2020. ISSN 2527-0753. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/marupiara/article/view/1935>. Acesso em: 31 out. 2020.
Seção
Artigos