Paulo Freire: histórias de ontem para esperançar o hoje

Resumo

O texto relata fragmentos de projetos de alfabetização, de formação de professores e de educação de jovens e adultos, tecidos com as ‘práticasteorias’ do Patrono da Educação Brasileira, Paulo Freire. A costura dos relatos é realizada com títulos (e conteúdos) de algumas obras do autor, buscando compor uma historiografia do que acontecia no país a cada época. Uma das experiências aproxima o autor das salas de aula do Movimento Brasileiro de Alfabetização (Mobral), criado pela ditadura militar, em substituição ao revolucionário movimento Freiriano, que causou seu exílio. O relato revela que, por trás dessa aparente contradição – Paulo Freire dentro das salas do Mobral – há táticas tecidas na vida cotidiana, carregadas de sentidos. Outra experiência refere-se ao programa Salto para o Futuro, da TV Escola e, a terceira, à implantação do Sesc Ler, com a criação de escolas de educação de jovens e adultos em cidades pequenas, no interior do país. Paulo Freire deixou-nos um legado com muitas histórias e reflexões sobre o modo de pensar e fazer educação, o que podemos conhecer através de suas publicações e feitos, e também por meio das nossas relações com elas, com os modos como nos apropriamos e nos reinventamos a partir das redes educativas que tecemos em diversos ‘espaçostempos’ nos quais ‘aprendemosensinamos’. Reencontrá-lo nesses tempos de pandemia sanitária, social e política é Esperançar.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Doutoranda do ProPEd/UERJ, orientanda de Nilda Alves e membro do Grupo de Pesquisa Currículos cotidianos, redes educativas, imagens e sons.

##submission.authorWithAffiliation##

Doutora em Educação pelo ProPEd/UERJ, tendo concluído o pós-doutorado com bolsa PNPD/Capes-Faperj. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Currículos cotidianos, redes educativas, imagens e sons, sob a coordenação de Nilda Alves.

Referências

ALVES, Nilda. Práticas pedagógicas em imagens e narrativas: memórias de processos didáticos e curriculares para pensar as escolas hoje. São Paulo: Cortez, 2019.

BRASIL. Ministério da Justiça. Arquivo Nacional. Mobral. Que república é essa? Portal Estudos do Brasil Republicano, 11 nov. 2019. Disponível em: http://querepublicaeessa.an.gov.br/temas/66-filme/191-mobral.html. Acesso em: 13 abr. 2021.

CERTEAU, Micheal de. A invenção do cotidiano. 5. ed. Rio de Janeiro: Vozes, 2000. (Artes de Fazer, 1).

CERTEAU, Micheal de. A escrita da história. 2. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2002.

CUNHA, Luís Antonio; XAVIER, Libânia. Movimento Brasileiro de Alfabetização (Mobral). In: CENTRO DE PESQUISA E DOCUMENTAÇÃO DE HISTÓRIA CONTEMPORÂNEA DO BRASIL (Rio de Janeiro). Acervo CPDOC. Rio de Janeiro: Fundação Getúlio Vargas, s/d. Disponível em: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/dicionarios/verbete-tematico/movimento-brasileiro-de-alfabetizacao-mobral. Acesso em: 13 abr. 2021.

FRAZÃO, Dilva. Biografia de Paulo Freire. E-Biografia, 24 dez. 2019. Disponível em: https://www.ebiografia.com/paulo_freire/. Acesso em: 13 abr. 2021.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1967.

FREIRE, Paulo. Cartas à Guiné-Bissau: registros de uma experiência em processo. 2. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1978.

FREIRE, Paulo. Educação e mudança. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 17. ed. 23. reimp. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler: em três artigos que se completam. 23. ed. São Paulo: Cortez, 1989.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da esperança: um reencontro com a pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1992.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Indignação: cartas pedagógicas e outros escritos. São Paulo: Fundação Editora UNESP, 2000.

MENEZES, Ebenezer Takuno de. Mobral (Movimento Brasileiro de Alfabetização). Dicionário Interativo da Educação Brasileira – EducaBrasil. São Paulo: Midiamix Editora, 2001. Disponível: em https://www.educabrasil.com.br/mobral-movimento-brasileiro-de-alfabetizacao/. Acesso em: 10 abr. 2021.

SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO (SESC). A carta da paz social. Teresópolis, maio de 1945. Disponível em: https://www.sesc.com.br/portal/sesc/o_sesc/A+Carta+da+Paz+Social/. Acesso em: 13 abr. 2021.

SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO (SESC) (Rio de Janeiro). Sobre o Sesc. Portal Sesc. Disponível em: https://www.sesc.com.br/portal/sesc/o_sesc/. Acesso em: 13 abr. 2021.

SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO (SESC) (Rio de Janeiro). Sesc Ler. Disponível em: https://www.sesc.com.br/portal/educacao/EJA/SescLer/. Acesso em: 13 abr. 2021.
Publicado
2021-08-17
Como Citar
RODRIGUES, Marcia Costa; MENDONÇA, Rosa Helena. Paulo Freire: histórias de ontem para esperançar o hoje. Revista Vagalumear, [S.l.], v. 1, n. 1, p. 51-64, ago. 2021. ISSN 2763-9916. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/rv/article/view/2264>. Acesso em: 09 dez. 2021.
Seção
Seção Temática - Centenário Paulo Freire: esperanças praticadas