TRABALHANDO COM A GRAMÁTICA NA AULA DE LÍNGUA PORTUGUESA POR MEIO DO GÊNERO CRÍTICA DE TEATRO

  • Carolina Duarte Garcia
  • Gabriela da Silva Pires UFV

Resumo

O objetivo deste estudo é construir uma proposta de material didático e refletir sobre sua aplicabilidade, a partir de um trabalho de conscientização da linguística crítica, com foco na gramática (em especial, quanto ao uso coesivo, avaliativo e argumentativo de substantivos e adjetivos) e no gênero crítica de teatro. Partimos das contribuições teóricas de Bakhtin (1997) e Marcuschi (2006; 2008a; 2008b) sobre os gêneros textuais, e de Antunes (2007) e Travaglia (2011) sobre o ensino da gramática contextualizada. Apoiamo-nos no procedimento Sequência Didática, desenvolvido por Dolz, Noverraz e Scheneuwly (2004), para o planejamento e elaboração de quatro aulas voltadas para turmas do primeiro ano do Ensino Médio, seguindo as exigências dos PCN(LP) (BRASIL, 2000). O método sequência didática mostrou-se importante pois direciona o trabalho do/a professor/a e oferece maior autonomia para o aprendizado dos/as estudantes. Foi proposto que os substantivos e adjetivos sejam trabalhados como itens coesivos, avaliativos e argumentativos, mobilizados para a construção do gênero crítica de teatro, a partir de atividades dinâmicas e criativas. A proposta poderá, ainda, auxiliar outros/as professores/as em práticas pedagógicas mais eficazes e planejadas, além de reforçar a importância de estudos como este, que propõe trabalhos à medida que faz reflexões sobre sua aplicabilidade.

Publicado
2021-06-16
Como Citar
GARCIA, Carolina Duarte; PIRES, Gabriela da Silva. TRABALHANDO COM A GRAMÁTICA NA AULA DE LÍNGUA PORTUGUESA POR MEIO DO GÊNERO CRÍTICA DE TEATRO. ContraCorrente: Revista do Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas, [S.l.], n. 16, p. 275 - 293, jun. 2021. ISSN 2525-4529. Disponível em: <http://periodicos.uea.edu.br/index.php/contracorrente/article/view/2178>. Acesso em: 22 set. 2021.